domingo, 16 de maio de 2010

EU VI O NEGO D'ÁGUA


EU VI O NEGO D'ÁGUA
Maria Izabel Muniz Fiqueiredo (Bebela)

Eu vou contar pra você,
Escute.
Eu vi o Nego D'água
Mentira ?
Mentira qual nada,
Eu não minto quando falo das coisas da minha
Terra e do meu rio.
Pois, eu vi o Nego D'água.
Neguinho bonito, lustrado, não era feio, não.
Na proa da canoa, fazia batuque
E dizia coisas, tremia de medo,
Aquela canoa do Barão Enéias
Que todos pegavam para alcançar o rio grande
Como dizia o povo, quando a baixa enchia
E a gente queria, água pura e limpa
Água de beber.
Pois foi, Nego D'água fazia um batuque
Tão forte, que eu de cá da margem,
Por entre os capim, tremia, tremia, sorria
Tremia de medo, mas encantada queria
Fugir mas batuque do Nego D'água me falava
Tão forte que me prendia no chão.
Nego D'água, bichinho sapeca,
Se você não me levou daquela vez
Não me leva mais não.
Neguinho saliente, capeta falante,
Nadando, saltando, encantando...
O que você quis de mim ?
Mas, que pena ! volte de novo,
Quem sabe, eu não entendi bem, sua mensagem...
E quando conto minha ventura, gente
Má não acredita, nem quer me ouvir.
Acredite... eu vi o Nego D'água.
Coitados...
Pois foi assim ! Eu vi o Nego D'água
Nas águas do rio, lá no Mourão.
Acredite. E mais, agora, agora eu tenho
Um amigo, um forte aliado, e
Se ele não me levou pro fundo do rio,
Como diz a lenda... ele se
Encantou comigo... e agora, agora vai
Me proteger e vai me ajudar...
Acredite.
Eu vi o Nego D'água, senti seus batuques,
Ele vai ser meu amigo... vai me proteger.
Eu vi o Nego D'água
Eu vi o Nego D'água, no rio São Francisco,
Eu vi o Nego D'água num belo anoitecer
LIVRO: Lendas e Mitos do Rio São Francisco
AUTORA: Maria Izabel Muniz Fiqueiredo - Bebela
Juazeiro - Bahia 2003


Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...

O Nego D'Água

O Nego D'Água

OS CONGOS - FESTA DO ROSÁRIO

OS CONGOS - FESTA DO ROSÁRIO

Rio São Francisco

Rio São Francisco
Juazeiro Bahia