domingo, 18 de outubro de 2009

PROCISSÃO DE N. S. DAS GROTAS

PARLIM
Quando existia muita paz na vida terrena, as almas do outro mundo gostava de aparecer e fazer coisas que infundiam muito medo nas pessoas. Se a presença de um defunto é desagradável, a de um grupo deles é mais desagradável ainda.
Acreditava-se que, quando uma pessoa morria sem pagar as promessas feitas aos santos, sua alma voltaria, à terra, para cumprir a obrigação.
Houve uma época aqui, em Juazeiro da Bahia, com noite cheias de pavor, porque muitas pessoas tiveram a oportunidade de ver passando nas ruas centrais da cidade, uma procissão com andor carregando a imagem de N. S. das Grotas, acompanhado de gente vestida de preto ou de branco segurando velas. O silêncio era tão grande, que aumentava o medo em quem se encontrava com a procissão.
Depois da caminhada, entravam na igreja. Nunca, ninguém teve a coragem de ver o que acontecia dentro da igrejinha.
Durante o dia, as pessoas que tinham visto a procissão, eram incansáveis em comentários e, principalmente em falar sobre o medo que sentiam.
A procissão desapareceu... As Almas pagaram suas promessas.
LIVRO VOCÊ ACREDITA EM ASSOMBRAÇÃO ?
Maria Franca Pires
Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...

O Nego D'Água

O Nego D'Água

OS CONGOS - FESTA DO ROSÁRIO

OS CONGOS - FESTA DO ROSÁRIO

Rio São Francisco

Rio São Francisco
Juazeiro Bahia